Ex, a questão




Ex-bi 

Ex-gay

Ex-noia  

Ex-nora

Ex-papa 

Ex-amor

Ex-sogra

Ex-genro

Ex-mulher

Ex-hetero

Ex-junkie

Ex- pastor 
         
Ex- marido

Ex-cristão

Ex-direita

Ex-ficante

Ex-palhaço

Ex-biscate

Ex-drogado

Ex-namorado

Ex-deputado

Ex-travesti

Ex-espírita  
                      
Ex-marxista

Ex-militante

Ex-vocalista

Ex- kantiano

Ex-estudante

Ex-presidente 

Ex-protestante

Ex- quase-tudo





Na contemporaneidade, ex não é prefixo, é título.  Só não se ouviu falar ainda ex-família e em ex-paranoico, estes transcendem no tempo...



K.C

8 comentários :

  1. porque tudo que existe, existiu e existirá é nada mais do que transformação de outra coisa. logo, é ex.

    ResponderExcluir
  2. Gostei, achei uma reflexão curta e inteligente, olha está ficando até repetitivo eu falar esses elogios no seu blog mais fazer o quê? O que é a gente fala.

    Eu quero seu livro!!!Lançarás um dia?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. assim espero, marcelo rs.
      Obrigada pelo carinho.

      Excluir
  3. É minha amiga, vc tem razão!
    Mas sabe que eu sou da opinião do Rausl Seixas: Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo!
    Por isso aparecem os ex-isso e ex-aquilo, porque as pessoas estão mudando de idéia!

    Bela postagem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em parte somos metamorfoses, noutras muito iguais, acho que os tipos de ex também são metamórficos. rs Obrigada, beijão.

      Excluir