Batata-Quente De Adulto




Somos tão esquisitos. Eu acredito e me incluo nisso.  Tem dias que me pego num momento feliz, mesmo tudo dando errado. Sou capaz de acordar, olhar para o espelho e rir da minha cara ridícula, sentar num parque em dia frio e pensar o quanto senti-lo é bom, ficar dançando Twist and should a tarde inteira, tomar vinho em canecão e  ficar bem a noite inteira, admitir numa boa que já cometi as piores atrocidades... Momentos bons dentro da caoticidade, é, acontecem. Não a ponto de “assistir ao sol nascer”, porque sou preguiçosa e não gosto de sol, “ver as àguas do rio correr”, porque não tenho paciência, é mais fácil eu me atirar dentro do rio,  “ouvir os pássaros cantarem”, porque cantos de pássaros são assobios e estes são, ao meu ver, insuportáveis, tanto como o dos urubus.



Quando se está de mau humor, não é interessante voar como urubu e pousar seus trejeitos nos lugares onde se passa, nem sempre se voa para onde quer, como se quer, e é assim com todo mundo, a própria espécie urubunzistica, de alguma forma, deve saber disso. Urubus às vezes irritam. Pessoas que se parecem com um deles, também irritam...




 Basta um olhar , um gesto inútil  de ignorância, uma fala de um urubu, e aquele momento negro se espalha feito batata- quente, sabe aquelas da infância, de brincadeiras saudáveis que não voltam mais? Só que no mundo adulto parece ser bem mais infantil, viram um show de horrores em vários aspectos. “Eu sou um mal comido e estou de mau humor e você?”, “eba, toma meu mau humor  pra você”, “ pega essa  também” , “ai tá ficando quente esse meu desejo que você se ferre”, "também desejo o mesmo" e uma hora “iupi explodiu!” e passam aquele feitil horroroso umas para as outras na reunião corporativa, no metrô, na rua, em casa.  



Aquele olhar de insatisfação  transpassa um simples dia ruim e,  de repente, passa para as pequenas reclamações de coisas que suportando ou não , não há  escapatória: nós não somos completamente felizes, mas sim incompletos. Como suportar tal argumento?  Não se sabe, e chega-se a esta "batata-quente" insatisfatória , incosciente, gratuíta. A sisudez e a frustração  transam,  namoram, se casam e depois se espalham:




Os velhos querem ser jovens. Os jovens sempre se acham revolucionários.  Os revolucionários estão sempre lutando por causas idiotas que são eles mesmos, achando-se os modernos. Os modernos são perdidos. Os perdidos querem encontrar uma luz. A luz quer encontrar a  sua velocidade. A velocidade quer o seu limite e o limite quer  ... o quê?  


Batata quente-quente-quente-quente, que nunca sabemos que hora brincar, para quem jogar, onde irá explodir, mas que será uma explosão inútil, é quase certo. 


K.C

20 comentários :

  1. Huauhuuauaha , te achei bem maldosa com as imagens, nos chamando de infantilóides o tempo todo, acho que é bem por ai.Ótimo texto, pra variar. Boa semana, escritora.

    ResponderExcluir
  2. Muito massa!

    Bem, sou paciente, não me irrito fácil, gosto do rio, dos pássaros, e acho os urubus aves interessantes... Mas odeio as "pessoas urubus", é fato!

    Brincar tem sua hora, pode ser bom, pode ser ruim... Mas não me traga sua batata-quente, vou deixar você se queimar sozinho... Se precisar de ajuda, eu estou aqui!

    Curti muito o texto!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Hahahahahahahaha eu difícilmente me irrito com pessoas chatas, na verdade eu tenho dó delas!
    Hahahaha, mas sua postagem é bem verdadeira!

    ResponderExcluir
  4. Kelly!!! Como sempre curti horrores ....Curto tudo que vc escreve, sabia??? Adoreiiiiiiiii!!!!! Abração e Beijão.....

    ResponderExcluir
  5. Só agora que enfrento o mercado de trabalho que vejo que o mau humor e a frustração transando são frequentes kkkkk. Texto muito bom.

    ResponderExcluir
  6. muito massa seu blog, descobri por facebook, muito bom. Carlos.

    ResponderExcluir
  7. Mostrei seu texto para as meus pais e eles também concordaram plenamente sobre a batata-quente no local de trabalho e na vida, também ficaram impressionados com o seu jeito de escrever com tão pouca idade, esqueci de dizer isso no comentário acima.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah obrigada Luana, você é que é um amor. Abraços.

      Excluir
  8. Essa batata quente qnd assa ai ai rs
    Passando pra conhecer teu blog...Passa lah no meu pra conhecer tb!!!

    http://makeolatras.blogspot.com.br/2012/09/tutorial-make-colorida-rosa-com-amarelo.html


    Video Youtube:
    http://youtu.be/vTi5hG7VYAY

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. bota assada nisso, vou ler seu blog sim, bia muniz, obrigada.

      Excluir
  9. Gostei muito deste texto.

    ResponderExcluir
  10. o que seria "feitil" ... ?

    ResponderExcluir